Spoiler

SPOILERS One Piece #906

EAE, GALERA DO ALL BLUE!

Aqui quem vos escreve é Ana Laura Marcon (não, não é o Matheus!), e estou responsável por trazer esse quadro para completar a grade semanal tão querida do All Blue: SPOILERS! O Matheus não costuma olhar e muito menos ler spoilers, pois ele guarda a surpresa para o reaction dos capítulos semanais, que são exclusivos à Galera do QG (ENTRE NO QG VOCÊ TAMBÉM!). Sentem-se, peguem um lanche e vamos ao que interessa!

 

SPOILERS DO CAPÍTULO 906 – A Terra Sagrada de Mariejoa

(Créditos a One Piece Ex )

Nota da OPEX: Oda romanizou Mariejoa com caracteres ocidentais para Maria Geoise. De agora em diante escreveremos ela assim.

Visitando os Membros da Grande Frota dos Chapéus de Palha.
Vol. 36, Arco Orlumbus: “10:00 – Orlumbus e Corlumbus (e uma garota vestida de pirata, talvez seja a filha dele?) inspeciona a limpeza no navio.”

O capítulo começa com bondola número 2 alcançando a área mais alta da Red Line, pouco antes de entrar em uma zona de névoa espessa. Os passageiros do bondola sobem um lance gigante de escadas, para os lados existem enormes estátuas com figuras encapuzadas carregando várias armas (espadas, lanças…).

Quando chegam ao final do lance de escadas, todo mundo fica impressionado com a vista. No fundo uma enorme cidade cercada por árvores e atravessada por um rio, e em frente a um palácio imponente (que vimos várias vezes ao longo da história). Chegaram à Terra Sagrada de Mary Geoise.

Os soldados informam ao grupo que eles podem usar as esteiras de transportes que os levarão até a porta do palácio, mas Fukaboshi diz que eles preferem andar e contemplar a paisagem, Shirahoshi concorda com seu irmão. Sterry olha os tritões com nojo e acha que eles são peixes com medo da tecnologia moderna.

Fukaboshi sente que algo não está certo com as esteiras de transporte, embora ele não tenha como verificar isso. De fato, abaixo das esteiras, vemos um grupo de escravos as puxando enquanto um homem com um chicote na mão os persegue dizendo-lhes para irem mais rápido.

Em uma das casas luxuosas da cidade, vemos alguém observando os membros do Reino de Ryuugu com uma luneta. É um rosto familiar, o Tenryuubito São Charloss. Ele está realmente observando a Princesa Shirahoshi com desejo.

O grupo chega às portas do palácio, logo acima da entrada está o símbolo do Governo Mundial. Uma vez lá dentro, vemos que o resto dos hóspedes do Reverie já chegaram. Somos apresentados a vários reis e rainhas de diferentes reinos (mais tarde tentaremos colocar os nomes). Nós também vemos como eles se cumprimentam, Manboshi dançando com outro convidado ou uma rainha apresentando seus filhos a Neptune.

Mas a estrela da reunião é a Shirahoshi. Vários reis apresentam seus filhos e os oferecem como maridos. Shirahoshi fica timida pela situação e cobrindo o rosto com vergonha, ela diz “Me desculpem, vocês não são meu tipo!” deixando todos chocados e Fukaboshi irritado com seus modos. Antes da situação tensa, Ryuboshi tira para Shirahoshi de lá (enquanto ela está em choque) e Fukaboshi vai se desculpar com os reis e príncipes rejeitados.

Em outra área da sala, vemos Vivi surpresa porque é a primeira vez que ela vê anões. Ela está conversando com Rebecca e tem o Leo em suas mãos (Carue olha para Leo com raiva e inveja para chamar a atenção de Vivi). Esse grupo curioso fala sobre Luffy e o relacionamento que eles têm com ele. Rebecca e Leo contam como ele os ajudou a se livrar de Doflamingo (Leo se vangloria de que eles são aliados). Então Vivi conta seu relacionamento com os Chapéus de Palha e temos um pequeno flashback lembrete do que aconteceu em Alabasta (semelhante ao que vimos no capítulo anterior sobre Luffy, Ace e Sabo sendo crianças). Rebecca e Leo choram quando ouvem o que Luffy fez por Alabasta.

Shirahoshi, que estava ouvindo Rebecca e Vivi, entra na conversa perguntando se eles são amigos de Luffy-sama (Carue se esquiva quando vê uma pessoa tão grande XD). Ryuboshi novamente separa sua irmã e lhe chama a atenção porque ela não pode falar que ela se relacionou com piratas, e menos ainda no Reverie. Vivi está se perguntando se será legítimo, mas Rebecca imediatamente diz a Shirahoshi que eles são amigos de Luffy. Shirahoshi está feliz em ouvir isso e diz a eles que ela deve muito ao Luffy-sama. Vivi e Rebecca dizem que eles também.

Igaram, Violet e Fukaboshi também conversam amigavelmente. Igaram se surpreende ao ver a princesa dos tritões, Violet diz que ela é muito bonita. Sai se junta a conversa das princesas, Rebecca ao vê-lo diz que ela acha que sabe sobre sua luta em Dressrosa e ele aparece. Leo e Sai se cumprimentam calorosamente. A intenção de Sai é fazer com que seu reino se relacione com o deles.

No entanto, alguém chega para discutir no encontro deles, é Wapol com sua esposa Kinderella. Vivi diz que ele ficou mais gordo, Wapol ri dizendo que Luffy e os Chapéus de Palha vão pagar. Shirahoshi olha para Wapol com curiosidade, ela acha que ele é um cara estranho. Vivi diz a ele que ele é um ser desprezível. Mais uma vez, temos outro desenho em que explicamos brevemente o confronto entre Luffy e Wapol e o que aconteceu com o segundo depois de se tornar rei.

Wapol ainda está incomodando com Vivi, ele parece querer dizer a todos o que aconteceu em Drum. Tanto ele quanto Kinderella riem quando Vivi morde a língua. Mais dois convidados aparecem nesse encontro, eles são Dalton e Dra. Kureha. Dalton confronta Wapol, que não parece muito feliz em vê-lo. Kureha diz a ele algo que irrita ainda mais Wapol. Vivi cumprimenta Dalton e Kureha com grande alegria, eles respondem o mesmo (Kureha diz a ele que não parece o mesmo de 2 anos atrás).

Wapol está com raiva e enfrenta Dalton, diz que vai pagar por arruinar o reino de Drum. Dalton se transforma em um bisão e diz que desta vez eles vão se defender com tudo e se preparar. Wapol está um pouco assustado e finalmente sai, mas não antes de insultar Dalton de longe. Embora Dalton passe por ele e agora fala com Rebecca e os Tonttatas.

Dalton pergunta se eles conhecem Luffy, eles dizem sim. Mais uma vez temos algumas vinhetas onde explicamos o que aconteceu em Drum do ponto de vista de Dalton e Dr. Kureha. Depois de olhar para os lados, Dalton sussurra para Rebecca e Leo se eles gostam de Luffy, ambos dizem sim muito alto.

Na próxima página vemos Impel Down, especificamente para o nível 6 da prisão. Lá vemos Doflamingo trancado em uma cela sozinho, rindo (ele ainda está algemado ao chão enquanto está deitado). Doflamingo fala com Magellan (a quem não vemos a qualquer momento) e pergunta se ele está o protegendo. Doflamingo diz que, enquanto eles tentam não vazar o segredo de Mary Geoise, os assassinos virão a superfície. E mesmo que vazasse, seu poder político é tão grande que rapidamente pioraria a situação.

Voltamos a Mary Geoise, uma pessoa com vários cartazes procurados na mão (o primeiro de Luffy) desce um longo lance de escadas. Quando chega ao seu destino, ele ativa um bloqueio especial que abre uma sala e entra nela. A área onde estamos é meio congelada. No final, essa pessoa chega a um lugar cheio de buracos na parede e pára em uma área que está iluminada. Lá vemos um chapéu de palha muito parecido com o Luffy, mas muito maior.

 

FIM DOS SPOILERS

 

O ARCO DA REVERIE MAL COMEÇOU, MAS JÁ ESTÁ DEIXANDO O FANDOM TODO ENLOUQUECIDO! Aliás, antes de começar, gostaria de me desculpar por não ter trazido os spoilers comentados do capítulo 905, precisei resolver alguns probleminhas pessoais naquele dia. ENFIM, JÁ ESTÁ NO PASSADO! Foco no capítulo 906!

Os representantes dos reinos chegam até Mariejoa para participarem do conselho, e, como era esperado, o lugar é encantador. Os soldados oferecem aos representantes a esteira transportadora, que os levariam direto à porta do palácio, mas Fukaboshi e os outros da ilha dos homens-peixe preferem ir andando para apreciar a paisagem do local – representaram o meu modo turista, haha.  Sterry fica com nojo dos tritões e pensa que eles sentem medo da tecnologia dos humanos (acho mais fácil eles terem nojo de ficarem ao lado de alguém tão desprezível quanto você, seu ridículo). Fukaboshi sente algo estranho em relação as esteiras, e, apesar dele não verificar, elas funcionam através do trabalho escravo. Aposto que eles serão salvos quando os revolucionários atacarem Mariejoa, pelo menos, é o que eu espero.

Temos o desgosto de ver, novamente, no mangá o tenryuubito São Charloos, aquele do Arquipélago Sabaody. Ele aparece em sua casa luxuosa, observando a princesa Shirahoshi com desejo, através de uma luneta. Isso vai dar uma merda colossal.

Os homens peixes chegam ao palácio, e quando eles entram, descobrem que os outros hóspedes já estão lá. A parte legal disso tudo é que teremos MUITAS interações, tanto entre personagens novos quanto os que nós já conhecemos há anos. A estrela da reunião é Shirahoshi, que encanta a todos com sua beleza. Vários reis começam a apresentar seus filhos a princesa sereia, propondo a ela um casamento, mas Shirahoshi rejeita a todos, dizendo que eles não são do tipo dela – Oda, eu quero saber qual é o tipo de homem que a Shirahoshi gosta!

Em outra área da sala, nós vemos a Vivi conversando com Rebecca e Leo. As duas estão se dando muito bem, e adivinhem qual é o assunto da conversa!? Hancock, segura teu homem, porque ele tá conquistando o coração das princesas. Brincadeiras à parte, elas conversam sobre Luffy, compartilhando as histórias de Alabasta e Dressrosa. Shirahoshi escuta a conversa das duas e também aparece para conversar sobre o nosso amado capitão. Momento mamão com açúcar total, mas é ótimo ver uma interação entre os reinos que tem conexão com Luffy – aliás, tenho total certeza que vai acabar acontecendo uma aliança entre esse reinos. Igaram, Viola e Fukaboshi também conversam amigavelmente próximo ao grupo das princesas. Sai aparece e se junta as garotas para falar sobre Luffy – gente, seria esse o encontro de Luffyzetes dos sonhos do Bartolomeu??? Sai cumprimenta Rebecca e Leo, e afirma que tem desejo de se aliar ao reino de Dressrosa.

O momento infelizmente é estragado pelo Wapol, que afronta tanto Luffy quanto Vivi. Ele, obviamente, ainda possui ressentimentos pelo ocorrido em Drum, portanto ele ameaça contar o que aconteceu em seu reino, o que pode vir a se tornar um grande problema a Alabasta, já que envolve a Vivi diretamente. Dalton e Kureha aparecem, irritando e desestabilizando Wapol por completo. Vivi cumprimenta ambos alegremente, sendo correspondida do mesmo jeito por eles. Dalton é ameaçado por Wapol, mas ele se transforma em bisão, respondendo que dessa vez eles estariam prontos para contra-atacar, e isso deixa Wapol com medo. Ele finalmente se afasta do grupo. Dalton volta a conversar normalmente com todos, perguntando discretamente a Leo e Rebecca se eles gostavam de Luffy, e ambos respondem, dizendo um “sim” muito alto.

A cena muda totalmente, e vamos diretamente para Impel Down, no nível 6, onde Doflamingo está preso e sendo vigiado por Magellan – AAAAAAAAH. Doflamingo fala, novamente, sobre o tesouro de Mariejoa e que assassinos virão à superfície. Isso está se tornando cada vez mais obscuro – gosto assim.

Voltamos a Mariejoa, mas dessa vez vemos alguém segurando vários cartazes de procurados, e o que está na frente é o de Luffy. Esse alguém entra numa sala, onde há um chapéu de palha idêntico ao de Luffy, só que muito maior. O QUE É ISSO???? Ok, o capítulo acaba, e aposto que ninguém estava esperando por algo assim. Eu tenho quase certeza que isso está relacionado ao que o Fujitora disse ao Doflaminfo e ao Touro Verde, sobre a marinha não precisar mais dos Shichibukais, por causa da nova “arma” que Vegapunk havia criado. A única coisa que passou pela minha cabeça, até agora, foi clonagem. Como dito no capítulo 840, Judge e Vegapunk trabalharam juntos na pesquisa do fator de linhagem, e, como já sabemos, Judge fez o experimento e criou o exército da temível Germa 66. E se Vegapunk aperfeiçoou a pesquisa para criar clones ainda mais fortes do que as pessoas originais? Uma forma avançada do que ocorreu com o Kuma, por exemplo. Bom, agora tudo que podemos fazer é teorizar, enlouquecer e esperar até a próxima semana para um novo capítulo. Deixem nos comentários as suas teorias!

 

Enfim, galera, o que acharam do capítulo? Lembrando que agora o Spoiler faz parte da grade semanal do All Blue, ou seja, toda quinta-feira (ou quando lançar o capítulo) eu tomarei o lugar do Matheus, aqui no site (e apenas aqui, calma o coração que vocês terão o capitão pelo resto da semana), para trazer uma análise dos spoilers semanais. Agradecimentos especiais a One Piece Ex, o maior e melhor site de One Piece da América Latina, que fornece os spoilers com tanto amor e carinho para os fãs da obra de Eiichiro Oda!

É isso aí, galera! Deixem seus comentários e suas opiniões sobre o quadro e sobre o capítulo! Até a próxima semana com mais Spoilers!

Deixe seu comentário

Tags

Relacionados

Confira Também

Close
Close